W3C IETF Para divulgação imediata

As comunicações em tempo real na Web (WebRTC) transformam o cenário das comunicações ao se tornarem um padrão do World Wide Web Consortium (W3C) e da Internet Engineering Task Force (IETF)

O padrão WebRTC permite comunicação de voz e vídeo sofisticada e interativa em qualquer lugar da Web, impulsionando a conexão global



https://www.w3.org/ and https://www.ietf.org/ — 26 de janeiro de 2021 — As organizações World Wide Web Consortium (W3C) e Internet Engineering Task Force (IETF) anunciaram hoje que as comunicações em tempo real na Web (WebRTC), que sustentam uma infinidade de serviços, são agora padrão oficial, levando comunicações de áudio e vídeo para qualquer lugar da Web.

O padrão WebRTC, que é uma combinação de API JavaScript para comunicação em tempo real na Web e protocolos de comunicação, permite que qualquer dispositivo conectado em qualquer rede seja um potencial terminal de comunicação na Web. O WebRTC já serve como a base da grande maioria dos serviços de comunicação e colaboração online.

"A conquista de hoje é histórica e oportuna. Diante da pandemia global do coronavírus COVID-19, o mundo se tornou cada vez mais virtual. Isso torna a Web ainda mais crucial para a sociedade no compartilhamento de informações, comunicações em tempo real e entretenimento" disse o Dr. Jeff Jaffe, CEO de W3C. “É gratificante ver nossas tecnologias desempenhando um papel fundamental na habilitação desta exigente infraestrutura digital. A combinação do alcance universal da Web com a riqueza de conversas de áudio e vídeo ao vivo remodelou a forma como o mundo se comunica."

"Voz e vídeo sobre IP revolucionaram a maneira como as pessoas se comunicam em todo o mundo”, disse a presidente do IETF, Alissa Cooper. “A integração dessas tecnologias na plataforma Web expandiu dramaticamente seu alcance. Graças à estreita colaboração entre o IETF e o W3C para padronizar essas tecnologias, bilhões de pessoas puderam tirar proveito do WebRTC para se manterem conectadas durante a pandemia COVID-19, independentemente de dispositivo e lugar."

Sistemas de comunicação de áudio e vídeo ao vivo em qualquer site e aplicativo da Web

A estrutura do padrão WebRTC fornece as bases para desenvolvedores da web e de aplicativos a partir das quais podem adicionar facilmente bate-papo por vídeo em teleducação, telessaúde, entretenimento, aplicativos empresariais ou jogos.

Com as bases padronizadas e implementadas em navegadores da Web e outros dispositivos e plataformas, livre de pagamento de royalties, a configuração de um sistema de comunicação de áudio e vídeo seguro com WebRTC passou a ser um recurso integrado, eliminando a necessidade de instalar plugins ou baixar aplicativos separados.

O padrão WebRTC está amplamente implementado como uma plataforma de comunicação e sustenta videoconferências e sistemas colaborativos em todos os principais navegadores, tanto no desktop quanto no celular. Bilhões de usuários podem interagir agora que o WebRTC torna a conversa de vídeo ao vivo na Web mais fácil do que nunca. O WebRTC expandiu amplamente a capacidade de implantar soluções de interação em tempo real para clientes e usuários, sejam startups ou empresas em escala global, em produtos comerciais ou projetos de código aberto.

Impacto positivo e oportuno no mundo real

O ano de 2020 mostrou o quão importante já é o WebRTC em um mundo no qual as viagens e os contatos físicos precisam ser limitados, assim como o quanto a tecnologia pode ser aprimorada para lidar com novos usos que surgiram.

Empresas e residências contam com o padrão WebRTC para uma grande variedade de operações, aumentando sua adoção. As organizações aproveitam o WebRTC para conduzir treinamentos, entrevistas, planejamento estratégico ou como um substituto para reuniões presenciais para se manterem conectadas por meio de happy hour e outras interações sociais. Ele está substituindo não apenas as reuniões presenciais, mas agora também substitui as interações humanas dentro dos escritórios. Domínios como saúde e defesa usam WebRTC para treinamento. Escolas e universidades mudaram para plataformas virtuais de aprendizagem. Jogos em nuvem e redes sociais usam streaming ao vivo e transmissões interativas. O entretenimento está tentando descobrir como trazer o público de volta aos estúdios fazendo isso remotamente. Os esportes estão tentando recriar a experiência no estádio usando WebRTC. Famílias e amigos fazem uso diário de produtos que são construídos com WebRTC ou partes dele.

O futuro do WebRTC já está em construção

Mais recursos e mais otimizações são necessários na medida em que se expande o uso do WebRTC mais além do design principal para alimentar videoconferências e sistemas colaborativos em navegadores da Web e outros ecossistemas (por exemplo, aplicativos nativos).

Já existem iniciativas em andamento nos grupos de trabalho do IETF Web Transport (WEBTRANS) e WebRTC Ingest Signaling over HTTPS (WISH) para definir novos protocolos de transporte na Web. O grupo de trabalho WebRTC do W3C começou a trabalhar no documento Casos de Uso da Próxima Versão do WebRTC para mapear o futuro do padrão, em especial nos tópicos:

O Grupo de Trabalho WebRTC está se debruçando sobre casos de uso novos e existentes para compreender toda a gama de necessidades e prioridades. Recentemente, o W3C começou os grupos de trabalho WebTransport e Web Codecs, prometendo trazer os benefícios do streaming de baixa latência para um ecossistema mais amplo de mídia e entretenimento.

O padrão WebRTC se junta a muitos outros padrões do W3C que definem a Plataforma para Web Aberta, em inglês Open Web Platform, para desenvolvimento de aplicativos, que tem potencial sem precedentes de permitir que os desenvolvedores criem experiências interativas ricas, a partir de vastos repositórios de dados disponíveis em qualquer dispositivo e ambiente.

Sobre o World Wide Web Consortium

A missão do World Wide Web Consortium (W3C) é levar a Web a todo o seu potencial criando padrões e diretrizes técnicas para garantir que a Web permaneça aberta, acessível e interoperável para todos ao redor do globo. Os padrões bem conhecidos do W3C, HTML e CSS são as tecnologias básicas sobre as quais os sites são construídos. O W3C trabalha para garantir que todas as tecnologias básicas da Web atendam às necessidades da sociedade civil, em áreas como acessibilidade, internacionalização, segurança e privacidade. O W3C também fornece os padrões que sustentam a infraestrutura para empresas modernas que alavancam a Web em áreas como entretenimento, comunicações, publicação digital e serviços financeiros. Esse trabalho é criado abertamente, fornecido gratuitamente e de acordo com a inovadora Política de Patentes do W3C. Por seu trabalho de tornar os vídeos online mais acessíveis com legendas e subtítulos, o W3C recebeu o prêmio Emmy 2016. E por seu trabalho de padronizar uma experiência completa de TV na web, o W3C recebeu um prêmio Emmy de 2019.

A visão do W3C para "Uma Web" reúne milhares de técnicos dedicados que representam mais de 400 organizações filiadas e dezenas de setores da indústria. O W3C é hospedado em conjunto pelo Laboratório de Ciência da Computação e Inteligência Artificial do MIT (MIT CSAIL) nos Estados Unidos, o Consórcio Europeu de Pesquisa para Informática e Matemática (ERCIM) com sede na França, a Universidade Keio no Japão e a Universidade Beihang na China. Para obter mais informações, consulte https://www.w3.org/ ou https://www.w3c.br/.

Sobre a Internet Engineering Task Force

O Internet Engineering Task Force (IETF) é o principal órgão de padrões técnicos da Internet, reunindo uma grande comunidade internacional de projetistas, engenheiros, operadores, fornecedores e pesquisadores preocupados com a evolução da arquitetura da Internet e o bom funcionamento da Internet. Para obter mais informações, consulte: https://www.ietf.org/.

Fim do press release

Contatos de mídia

Amy van der Hiel, Coordenadora de relações com a mídia do W3C <w3t-pr@w3.org>
+1-617-253-5628 (EUA, Hora do Leste)

Greg Wood <ghwood@ietf.org>
+1-703-625-3917 (EUA, Hora do Leste)